A clássica caixa azul




 Existe algo nos estoques da mítica joalheria TIFFANY & Co. que milionário nenhum do mundo pode comprar. Não importa o valor oferecido. Não importa quem seja o tal cliente. Não importam seus motivos. A peça está lá somente para ser dada. É a clássica caixa azul que embala os desejados produtos da marca. Este verdadeiro ícone da cultura americana foi adotado em 1837 e batizado oficialmente de TIFFANY BLUE BOX, sempre coroada com uma fita de cetim branco. A importância desse ícone é tamanha, que os funcionários da joalheria passam por um treinamento para aprender a fazer o laço que fecha este ícone, pois ele deve se desmanchar com suavidade e elegância. Esse tom de azul turquesa foi registrado como marca, utilizada nas sacolas, catálogos, embalagens e material promocional da TIFFANY. Com o passar do tempo a cor azul se tornou parte de identificação da marca. Batizado de “TIFFANY BLUE”, este tom de azul garante que os embrulhos que envolvem os produtos da marca sejam desejados e reconhecidos a muitos metros de distância. Famosa por ser entregue apenas ao adquirir uma jóia, em 1906 o tablóide inglês The Sun chegou a publicar: “a TIFFANY tem algo em estoque que não se pode comprar independente do dinheiro que você disponha: uma de suas caixas”. Afinal, dentro dela pode vir tanto um anel de quase meio milhão de reais quanto um simples pendente de R$ 300. Neste caso, o que importa, mesmo, é a magia que acompanha o presente.

A estrela de um filme


A história começou em 1950 quando o escritor Truman Capote, especialista em crônicas da sociedade nova-iorquina, lançou o livro “Breakfast at Tiffany’s” (Bonequinha de Luxo). Onze anos mais tarde, em 1961, Hollywood produziu o filme baseado no livro, convidando a estonteante atriz Audrey Hepburn, para o papel da irreverente Holly Golightly, uma garota de programa que sonha casar com um milionário, de cuja máxima ninguém esquece: “Nada de ruim pode acontecer a você na Tiffany”. A cena em que a atriz contempla a vitrine da TIFFANY & CO. enquanto seu príncipe encantado não vem, imortalizou a marca no segmento de luxo. O filme reforçou essa imagem da TIFFANY & CO. como símbolo de algo bonito, exclusivo, e também de um lugar muito agradável e gostoso de ir.

Um simples ato simbólico de desembrulhar uma famosa caixinha azul com um laço branco, cobiçada por todas as mulheres de fino trato, não seria único se dentro não estivesse as exclusivas e luxuosas jóias da TIFFANY & CO., lendária joalheria imortalizada pela atriz Audrey Hepburn no filme Bonequinha de Luxo. Uma característica marcante da TIFFANY & CO. é que suas peças são elegantes por si só. Seja no item mais barato (se é que existe), seja no mais caro, a matéria-prima é da mais alta qualidade. Suas preciosidades seduzem socialites, super modelos, atores e atrizes, e o eterno apaixonado à procura do anel de noivado mais cobiçado do mundo. Quem entra em uma loja da TIFFANY & CO. acaba se apaixonando.
O preço médio das bolsas varia entre R$1.190 e R$1.690
 Entre os produtos,  a linha ‘Leather Collection’ é um dos destaques. A coleção de acessórios de luxo em couro foi lançada no ano passado em Nova Iorque e leva assinatura dos designers Richard Lambertson e John Truex.
“A visão e domínio do ofício que eles tem, combinado com a habilidade dos melhores artesãos italianos, produziram uma coleção de acessórios de couro de simplicidade atemporal, com toda a qualidade e luxo da experiência Tiffany”, comentou o vice-presidente da Tiffany, Jon King.
O preço médio das bolsas varia entre R$1.190 e R$1.690 
As bolsas da linha TRT (Tiffany Reversible Tote), confeccionadas em camurça, vão ser as primeiras a chegar no Brasil, em tons vibrantes e em dupla face.
Os tamanhos disponíveis vão ser o pequeno e médio, e os preço variam de R$1.1190 a R$1.690. Além das bolsas, é claro, podemos esperar todas as linhas de joias da grife.

 Fundada em 1837 e de Nova York por Charles Lewis Tiffany, possui uma rica coleção de jóias finas em um estilo lendário.

 A joalheria Tiffany & Co celebrou seus 10 anos no Brasil.
Esta e a do Shopping Center Iguatemi em Sao Paulo(Avenida Brigadeiro Faria Lima, 2232, Piso Terreo)

As fontes: as informações foram retiradas e compiladas do site oficial da empresa (em várias línguas), revistas (Fortune, Forbes, Newsweek, BusinessWeek e Time), sites especializados em Marketing e Branding (BrandChannel e Interbrand), Wikipedia (informações devidamente checadas) e sites financeiros (Google Finance, Yahoo Finance e Hoovers).

Posts Relacionados

LEAVE A COMMENT

Autora


ViCk Sant' Anna

Facebook FanPage

Conheça mais

Parceiros